Momento natureza – Fim de semana na fazenda


Essa semana que passou fui duas vezes à fazendas. No feriado eu fui pra fazenda do Helber, namorado da minha prima Rosana. E no fim de semana, retornei pras redondezas de lá, mas dessa vez fiquei na fazenda do Seu Muniz e da Mirtes, que são sogros do meu primo Wendel.

Eu gosto muito de campo. O fato de estar longe da cidade, com o silêncio e a beleza da natureza me trazem uma calma sem fim. É imprescindível estar acompanhada de pessoas queridas. E esses são momentos em que eu adoro cozinhar, biritar, ouvir música, bater papo, etc.

Trouxe umas fotos do que meus olhos registraram. Algumas vezes o tempo fechou e a natureza não estava tão bela assim, mas mesmo assim ela me cativou, pois além da imagem, tem toda a energia que é emanada por ali.

Pra começar, um Ipê carregado de flores.

 

Aqui, a entrada da casa da fazenda do Helber. A varanda é imensa e ali costumamos ficar sentados jogando conversa fora.

Na frente da varanda, um jardim.

Esqueci o nome dessa árvore cheia de florzinhas vermelhas, mas elas eram uma graça. Ficam acima do espaço da churrasqueira.

Aqui já é na fazenda do seu Muniz. Estava anoitecendo e eu fotografei o pé de manga, lotado. Em baixo dele, eles construiram uma pracinha, que segundo a Mirtes, é pras mulheres fofocarem ou os casais namorarem.

Achei uma gracinha esse porta-chaves de parede.

Achei estranha essa borboleta peluda.

Adoro hortas. Meu sonho é ter uma com bastante variedade de temperos e hortaliças. Aqui, algumas plantinhas:

Um ramo de alecrim.

Tinha bastante salsinha.


 O coentro, que estava meio amarelado.

Alguns pés de pimenta roxa:

Dois tipos de rúcula:

Alfaces e uma borboleta sobrevoando-os.

Se eu não me engano, o pé da direita é de pimenta. O da esquerda não sei o que é.

Um pé de manjericão meio fraquinho.

Mas tem esse outro bem bonito.

Isso é malva, o chá dela é utilizado em infecções de garganta e ouvido:

Pé de limão.

Outro pé de manga.

Um pé de jaca:

Um pé de acerola:

Uma rosa vermelha:

Uma rosa “cor de rosa”:

Acho tão bonitinha essa planta, mas também não sei o nome. Quem souber aí me ajuda…

Uma queda d’água. A água estava meio turva por causa das chuvas:

Isso é um carneiro, que bombeia água para a fazenda:

A copa das árvores:

Cajuzinhos do cerrado:

Churrasqueiro oficial Wendel preparando a picanha:

Nosso churras:

Um arroz molhadinho que fiz pra acompanhar o churrasco:

E pra finalizar, seu Muniz reparando coisas na área da churrasqueira:

E a Mirtes dando uma olhada nas jacas:

Queridos, obrigada por terem me recebido tão bem!

Beijos,

Dani Carneiro 😉

Sobre Dani Carneiro

Apaixonada por comida boa!
Esse post foi publicado em Divagações e marcado . Guardar link permanente.

15 respostas para Momento natureza – Fim de semana na fazenda

  1. consuelo disse:

    Oi Daniele. Belas fotas de uma belo momento, penso eu. Parabéns pelo post.
    Achei que sua foto das mangueiras carregas ilustrariam bem uma postagem minha que conta um tipo de fábula sobre a felicidade. Gostaria muito que você me autorizasse a usá-la (com URL), dando os devidos créditos.
    Aguardo seu retorno, e se não autorizar, retiro a imagem prontamente!
    O link será: http://pontocomartesanatos.blogspot.com/2015/02/quantas-mangas-voce-vai-pegar.html

    Abraço, Consuelo

  2. João Carlos disse:

    Me leva?

  3. leiliane disse:

    Ai que maravilha essa vida no sítio. Adoro verde, mato e esse caju! Fantástico Dani!

  4. andrea japiassu disse:

    ai que legal. não sou das mais naturebas, mas é sempre bom renovar os ares.
    tava até achando lindo o pezinho de manjericão… só que a legenda dizia que era pé de malva kkkk pra vc ver como entendo de verde kkkkkkkkk

    • Dani Carneiro disse:

      kkkkk. Andréa, a malva tá bem pertinho do manjericão, acho que vc não se confundiu não. É que eu tô explicando antes da foto, então não é uma legenda. Por isso vc achou que tava errado. rss
      Beijo grande.

  5. Bruno disse:

    Está uma fotógrafa de primeira, heim?! Gostei muito das fotos.

  6. Tânia Marques disse:

    Que lindas fotos! e que passeio maravilhoso heim! é de dar água na boca!
    Ha, aproveito para dizer que seu blog tá lindo e Clean, de um bom gosto indiscutível.

  7. Tatiana disse:

    Bateu uma saudade do sítio dos meus avós…
    Estar no campo faz muito bem pra mim também, adoro!
    A casinha do porta-chaves é uma fofura mesmo, amei!
    E os cajus? Deu água na boca… rs

    Beijos, Dani! 😉

    • Dani Carneiro disse:

      Oi Tati! Pois é, estar perto da natureza é revigorante. E quanto ao sítio dos seus avós, se ainda for possível, torço para que vc consiga visitá-los. Imagino como deve ser difícil estar longe da família.
      Beijo grande.

  8. Lylia disse:

    Deu vontade de estar aí, Dani! Adoro estar perto da natureza.
    Bj,
    Lylia

O que você achou desse post?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s