Torta de Cebolas


Queria eu fazer uma torta de cebola pra presentear uma grande amiga em seu aniversário, que eu não estava presente por conta de uma viagem. Certa vez ela tinha me dito que adorava uma torta que a avó dela fazia e que nunca mais comeu. Que pediria a receita para a madrasta pra eu fazê-la pra ela. Mas ela nunca pediu. E quando eu tive essa ideia, resolvi pedir boas receitas de torta de cebola pras minhas tão-confiáveis-amigas-que-entendem-tudo-de-culinária!

A Pati, a que tem todas as receitas infalíveis do mundo, me passou a receita da Torta de Cebola da Dona Cândida e eu decidi fazê-la, mesmo sem saber se era parecida com a da vó da Ju. Mas como eu queria fazer uma surpresa, não podia perguntar, né?

Segue a receita que ela me passou com minhas observações em vermelho.

Ingredientes:

Recheio
– 800g de cebola
– 1 lata de creme de leite (usei com soro)
– 4 ovos, claras em neve
– 2 tabletes de caldo de carne ou frango (usei de frango)
– 1 copo de leite (usei 1 copo de 200ml e meio, mas se fizesse de novo, colocaria só 1 copo)
– 1 colher de manteiga (de sopa)
– 1 colher de maisena (de sopa)

Massa

– 21 colheres de farinha de trigo (de sopa)
– 3 gemas
– 50g de margarina (usei 2 colheres de sopa e meia, pois não tenho balança)
– Óleo até a massa ficar boa para forrar a forma (essa foi a parte mais difícil, mas eu diria que a massa não vai virar uma bola uniforme, acho que o ponto é quando os pedaços de massa grudam uns nos outros, mas se soltam facilmente)

Preparo:

Cortar as cebolas no ralo de lágrimas (cortei em rodelas) e refogar na manteiga. Acrescente o leite e deixe cozinhar. (Não tampe para não dar muito cheiro).

Depois de cozido colocar o caldo de carne ou frango e tirar do fogo. Deixar esfriar um pouco.

Recheio pronto.

Colocar as gemas, a maisena, as claras em neve e o creme de leite.

Massa pronta. É massa podre.

Abra a massa para forrar a forma (com os dedos) e coloque o recheio. Não leva massa por cima. Assar em forno brando (usei a 200º Celsius pois estava com pressa) com papel alumínio. (Deixei com papel por 30 minutos e deixei mais 10 sem papel). Tirar para corar. Forma redonda desmontável (como eu não tinha, usei tabuleiro retangular comum e não desenformei).

Como esse tipo de receita não é daqueles que a gente vai provando até ficar pronto e sabe que vai ficar bom, eu confesso que estava morrendo de medo de ficar ruim. Fui às cegas e entreguei a torta pra minha amiga, avisando mil vezes que podia estar um fiasco.

E só estou colocando a receita aqui porque ela foi totalmente aprovada por ela, por mim, pelo meu colega de trabalho e pela mãe dela. Todos amaram a torta. Ufa! Considero um desafio conquistado!

Com certeza farei mais vezes, pois essa foi a primeira vez que fiz e que comi torta de cebola. Vale o repeteco com certeza!

Dani Carneiro 😉

Anúncios

Sobre Dani Carneiro

Apaixonada por comida boa!
Esse post foi publicado em Tortas e marcado , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para Torta de Cebolas

  1. Núbia Gomes disse:

    Cozinhar para alguém é das coisas mais bonitas que existem. ❤

O que você achou desse post?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s